Versão: CLÁSSICO

LIVRO: NO LE DIGAS A LA MAMA QUE ME HE IDO A MONGOLIA EN MOTO

 


LIVRO: NO LE DIGAS A LA MAMA QUE ME HE IDO A MONGOLIA EN MOTO
002728

19€
 

STOCK

Opções:
COR:
UNICA:
 



OFERTA TRANSPORTE :

Compra superior a 69€
(Portugal Península)

ENVIAMENTO GRÁTIS
24h/72h

(Dias úteis)
+ 1 TROCA GRÁTIS
o 1 DEVOLUÇÃO GRÁTIS

Compra inferior a 69€
MRW 24h/72h - 5.90€

Trocas e devoluções 60 dias!

Livro (em espanhol) de Ricardo Fité.
www.noledigasalamama.com

O romance não costuma envolver algo racional e montar uma moto velha é, acima de tudo, muito romântico. No entanto, do ponto de vista lógico, é menos prático do que há por causa dos reveses que constantemente têm de se superar. Ricardo Fite levou dois meses para ir de Barcelona para a Mongólia em uma viagem de mais de 10.000 km, em uma antiga Yamaha 250cc , o que levou a:


  • Uma entrevista com um jornal polonês.

  • Uma tatuagem russo.

  • Duas correntes de accionamento.

  • Três subornos.

  • Três dias de diarreia e febre em um hotel Cazaquistão.

  • Cinco quebras de chassis.

  • Várias quedas e muitas anedotas divertidas, todas incluídas neste livro agradável e ágil que certamente vai encantar os leitores.


«Viajante estes tempos, este livro vai divertir e Ricardo ajuda de bater a estrada».
Emilio Scotto, recorde Guinness ao redor do mundo de moto.

«A vida só se vive uma vez, o mundo é para desfrutar e aventura dentro de nós todos por os nossos antepassados que eram aventureiros e guerreiros. Um prazer de lê-lo. Muito bom livro, documentário e experiência. Parabéns».
Jordi Arcarons, participante no Rally París-Dakar 16 vezes.


Clientes que compraram este artigo também compraram